Buscar
 
 

Resultados por:
 


Rechercher Busca avançada

Últimos assuntos
» Investimento e acordos comerciais
Ontem à(s) 3:50 pm por Felipe

» A carta de Gimli para Barduk!!
Qui Nov 08, 2018 5:05 pm por Felipe

» O Brasão de Boven!!
Qua Nov 07, 2018 9:54 pm por Felipe

» Armadura do Lobo!! (Gondegal)
Qua Nov 07, 2018 9:43 pm por Felipe

» Os "Javaleiros" de Gauntlgryn!!
Qua Nov 07, 2018 9:21 pm por Felipe

» Brasão de Gauntlgryn!!
Qua Nov 07, 2018 9:04 pm por Felipe

» cadeia-de-Comando - Dragões Púrpura e Magos de Guerra!!
Qua Nov 07, 2018 7:30 pm por Felipe

» O que se sabe sobre Gondegal!!
Qua Nov 07, 2018 1:55 pm por Felipe

» Waterdeep - Oficial!!
Seg Nov 05, 2018 8:13 pm por Felipe

Novembro 2018
SegTerQuaQuiSexSabDom
   1234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930  

Calendário Calendário

Os membros mais marcados


1 mês de tranquilidade - 11 a 20 de Mirtul!!

Ir em baixo

1 mês de tranquilidade - 11 a 20 de Mirtul!!

Mensagem por Felipe em Qui Dez 21, 2017 8:57 pm

Hora de assimilar os acontecimentos e descobertas.
Duas cenas (que serão mais curtas, e mais narrativas do que pensam) estão em curso.
À conclusão das mesmas, o jogo segue por aqui.

=======================================


Última edição por Felipe em Sab Dez 30, 2017 3:07 pm, editado 1 vez(es)
avatar
Felipe
Admin

Mensagens : 4249
Data de inscrição : 12/10/2015
Idade : 40
Localização : São José dos Campos - SP

http://ospilaresdodestino.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 1 mês de tranquilidade - 11 a 20 de Mirtul!!

Mensagem por Felipe em Ter Dez 26, 2017 9:35 pm

Michael passará alguns dias em Arabel (talvez viajando na companhia de Barduk), onde um pequeno grupo de artífices o espera para o preparo de alguns itens mágicos previamente encomendados.



O anel incomum tem 2 feitiços:
* 3/dia: Mensagem.
* 1/dia: Selo Arcano.

Michael terá encomendado vários deles, para uma ocasião especial.
avatar
Felipe
Admin

Mensagens : 4249
Data de inscrição : 12/10/2015
Idade : 40
Localização : São José dos Campos - SP

http://ospilaresdodestino.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 1 mês de tranquilidade - 11 a 20 de Mirtul!!

Mensagem por Felipe em Ter Dez 26, 2017 9:44 pm



Impetuoso, explosivo, e NADA disciplinado, Davis conquistou a glória durante duros combates contra facções de Chamas-rubras.

Nos últimos dias, erguem um barracão para se abrigar e poder treinar seu estilo de luta agressivo.
Não tardou a chamar muita atenção, e logo outros (lunáticos) vieram pedir que lhes ensinasse seu estilo.

Urik foi o primeiro a vir desafiá-lo... perdeu MISERAVELMENTE.
Depois foi Melmund, um notório espadachim de Sembia, dando algum trabalho ao gladiador.

Outros notórios da área vêm testar seus limites contra Davis, e com eles o renome do combatente faz crescer, conquistando algum renome (além do de "encrenqueiro beberrão".
Passou uma noite na prisão local depois de se estranhar com o Comandante Istvan, dos Dragões Púrpura. Sabem os deuses por que resolveu comportar-se aquela noite.
O Comandante tem receios da permanência do guerreiro nestas terras, mas não conta com autoridade para expulsá-lo, ou mantê-lo preso. O fato é que, gamando-se de sua habilidade em combate, seu talento foi posto a prova quando o notório guerreiro, de forma insultosa, recusou-se a lutar, deixando no ar a dúvida de qual dos dois tem mais potencial.

Davis e os seus "alunos" ergueram uma enorme tenda em anexo ao barracão onde treinam, e ali promovem ocasionais demonstrações de luta e armas.
avatar
Felipe
Admin

Mensagens : 4249
Data de inscrição : 12/10/2015
Idade : 40
Localização : São José dos Campos - SP

http://ospilaresdodestino.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 1 mês de tranquilidade - 11 a 20 de Mirtul!!

Mensagem por Morë Olori em Sab Jan 06, 2018 11:30 am

-1º Dia-

Logo pelo alvorecer, a primeira coisa que o druida faz após sua conexão com a Mãe é buscar Shedan através de uma magia que havia a pouco aprendido.

Na noite anterior, tinha buscado alguns pertences do druida( se conseguir mexa de cabelo, melhor) em Jhael para fortalecer a conexão, preparara tudo para conseguir sucesso e finalmente achar o amigo, estava há muito desaparecido e não ter pistas era cada vez pior. *


---

Uso da magia vidência

Duração: Concentração, até 10 minutos Você pode ver e ouvir uma criatura em particular, à sua escolha, que esteja no mesmo plano de existência que você. O alvo deve realizar um teste de resistência de Sabedoria, que é modificador de acordo com o quão bem você conhece o alvo e o tipo de conexão física que você tem com ele. Se um alvo souber que você está conjurando essa magia, ele pode falhar no teste de resistência voluntariamente, se ele quiser ser observado. Com um sucesso na resistência, o alvo não é afetado e você não pode usar essa magia contra ele novamente por 24 horas. Se falhar na resistência, a magia cria um sensor invisível a até 3 metros do alvo. Você pode ver e ouvir através do sensor, como se você estivesse onde ele está. O sensor se move com o alvo, permanecendo a 3 metros dele pela duração. Uma criatura que puder ver objetos invisíveis verá o sensor como um globo luminoso do tamanho de um punho. Ao invés de focar em uma criatura, você pode escolher um local que você já tenha visto antes como alvo dessa magia. Quando fizer isso, o sensor aparece no local e não se move.

Modificador de resitência, caso Shedan tente não aceitar o contato: -9 (ou -15, caso tenha alguma parte do corpo comigo)
.

Ao perceber que o Mythal barra a busca, o druida envia mensagem ao Eladrin que havia liderado o ritual, assim como a Lachesi.*

" Perdi dois companheiros á época dos caminhos do Mythal. Shedan D´Rezzi e Yantraz. Não conseguimos encontrá-los de nenhuma forma, peço ajuda. "


Ao tentar contato com Tiriel, o druida se vê transportado a um enorme salão circular, no centro do qual estava repousado o coração de Selú´Taar,
pulsante de energia intensa.
Ao seu redor, mesmo sem enxergar, o druida pressentia a presença de seres invisíveis, elementais ou fantasmas, protegendo a pedra em seu pedestal.

Ali, uma vez mais encontra o alto mago Lachesi e Finn, que pareciam meditar sob a energia da alta magia que estalava por toda parte. Seu corpo se arrepia. Não era difícil pressentir a emanação de tamanha fonte de poder. E não era difícil adivinhar o que estava acontecendo. Finn estava dando um passo além, no caminho da Alta Magia, sob a tutela de Lachesi.

Além dos dois, num púlpito afastado, estava o Eladrin, cujo olhar severo recai sobre você, e com voz autoritária, nada da suavidade do outro dia, diz:
- Teus mapas guardam sua resposta, Druida. Por que perturbar aqueles que buscam reconhecer? Shedan e Yantraz, o assassino, vagam por atalhos abertos pelo Mythal,
buscando aproximar-se de outras comunidades. Mas o mesmo feito que os preserva impedirá qualquer contato, real ou mágico, até que os dois decidam que é hora de voltar. Sugiro que faça o mesmo. Cuide de seus afazeres, faça planos, tenha uma família, e VIVA, sem tentar juntar aqueles que não querem fazer parte de algo.


Antes que o drow pudesse responder, o eladrin faz um gesto largo como se o dispensasse. E no instante seguinte, estava uma vez mais sentado à beira do lago,
encarando seu próprio reflexo nas águas calmas.


_ Contratação de Dago e Segred para o início da formação da tropa de Jhael.

O Drow se reunirá com os 3 e irá propor que o treinamento seja composto em núcleos sazionais, onde os grupos escolhidos pelos três possam fazer um circuito de treino. Passando pelos 3 mestres afim de apreenderem o conhecimento peculiar a cada um.

Afinal, Gutz além de um experiente professor é um dos maiores conhecedores da região e poderá repassar o conhecimento aos seus;
O velho Dago, viajou por diversas áreas e conhece culturas e estratégias das mais diversas;
Jegred tem um estilo mortal de combate e técnicas drow.

Dago está ocupado tentando rastrear os desaparecidos. Ainda descontente com a tentativa de roubo de seu mapa, More temia uma reação mais bruta do velho ranger se soubesse como ele veio parar em suas mãos, por isso decidiu não contar quem o roubou.
Ele tem uma causa que o druida desconhece, mas o mapa parece parte de algo maior.
E de forma alguma deixará em outras mãos que não as próprias. Ele passou a guardar o mapa consigo, pra que não seja, uma vez mais, afanado.

Jegred, como explicitado, escolherá a dedo 3 combatentes entre os recém-chegados,
que ensinará de sua maneira. O drow percebe que ele tem um estilo muito semelhante a Davis, embora o gladiador seja mais brutal e espalhafatoso do que o meio-drow assassino.

Gutz se alegra em continuar em seu dever, e tem treinado bons sentinelas para a região. Mas sua maneira, aparentemente avoada, revela-se incrivelmente eficaz,
pous a tropa que já "entregou", composta por 8 combatentes e 3 batedores, n]ao deixa nada passar à sua vigilância.

São 3 trios que se espalham ao redor de onde devem vigiar (no momento, acompanhando a mudança do assentamento de Boven para perto do Lago) 2 combatentes + 1 batedor, e 2 "volantes" que ficam em constante movimento entre os 3


Pedirá a Ral para prover o pagamento, mediante os lucros advindos das caravanas, e os produtos que estarão começando a ser comercializados na região. Será Ral inclusive a definir o número máximo de aprendizes, de forma que não onere demais o orçamento da comunidade.

Ainda em formação, mas Ral contratou Dorkk para treinar não só a ele como a um grupo de patrulheiros, especializando-os em reconhecer sinais de cultos ou de invocações. Sua meta: "Dar cabo de qualquer fey´ri que encontrar".

O druida, nos intervalos de seus assuntos particulares, fará questão de participar, como aluno dos treinamentos se assim for permitido, assim como pede aos três que incluam os membros da Erel.

Alguns aproveitarão para "dar uns cascudos no chefe".

----
Chama Dago e mostra o mapa  que a drow Nizana o ofertou em cima da mesa perguntando se aquele objeto era de sua propriedade. Explica que quando viu do que se tratava imaginou que pertencia a ele, e se Dago realmente assumir a propriedade o devolve. Não faz enrolações e não pede desculpas, apenas o devolve, afinal não tinha culpa de nada.

Já postei a reação de Dago acima.

Mas caso Dago não crie maiores problemas ele pede permissão para estudar o mapa , caso permita:

Negado!!

Estuda as localizações e regiões descritas, junto da Erel, principalmente Eliel e após rodada inicial de estudo, caso o mapa mostre algo próximo a região onde estão, conjura Comunhão com a Natureza e busca maiores informações sobre a região apontada nos mapas e drows nas imediações.

A área coberta pelo mapa é extensa, indo milhas além das montanhas, já nas terras dos Vales. More reconheceu no mapa alguns glifos pertencentes a Atreio.

Ele revela achar também que alguns daqueles assentamentos poderiam ser dos Jaerle e proíbe que aquele assunto saia daquela sala. Informações que deveriam ser discutidas apenas entre o grupo.

Dago diz que não, ou saberia, pois já esteve em todos eles.

----

Olori continua a se preocupar com Eliel e continua tentando descobrir caminhos para se reaproximar, sente falta da ranger cantora, sente falta daquela alegria, e sente falta de Alleta e Arduliel, estava chegando a hora. Caso em algum momento o druida conquiste novamente espaço com ela, ele deixará claro pra ela que se houver o desejo, Norman está a sua espera, mas apenas se aquilo for o que ela própria escolher.

Eliel está cada vez mais reclusa, tendo se mudado das imediações da região. A única visita que aceita é a de Shar, e algumas vezes Norman.
Porém, nos últimos dias, ela tem sido vista na companhia de Katrina. Dizem até que passou um dia inteiro no templo de Corelon.


------

2º ao 7º dia


Estudo da trilha das brumas, feitiçaria, planos astrais e compreensão da origem de seu poder mágico inato. Aliás, perguntará se alguém da Erel se interessa em acompanhá-lo, caso Heize não veja problemas.

Mesmo que se interessem, Heize não vai levá-los. Ainda o repreende, pois Evereska é um santuário élfico lendário, uma das primeiras cidades do Povo. E levar um drow já vai colocá-lo em perigo, tanto ele quanto você, a quem ele faz questão de deixar claro que não deve se afastar dele, e fazer exatamente o que ele mandar, ou não se responsabilizará por sua segurança.

Erel preocupará com seus afazeres diários na comunidade e na construção de um sistema de defesa e vigilância da Torre, pedindo auxílio a Gork.

Inth´ul manterá um pouco de treino com a matilha enquanto Dragão estiver em viagem com Olori, conhecendo mais a região , principalmente perto da torre e ao redor da comunidade de Jhael.

O lobo do Ártico? Ele não se misturará aos demais. Embora aceite a aproximação de Dragão, entre os dois há mais uma amizade do que uma submissão.

---------------

8º ao 10º

O druida mantém os treinos particulares com a Erel, anões, drows e lobos.

Vou mapear a população local. Aguarde.
More entende afinal que dago o vê como "mais um assentamento", e se pergunta qual o porte dos demais?


-----

Convida Moser para traçarem o encontro com o clérigo de Elistraee, juntamente à Erel, Heize e Asthar.

Moser está envolvido com assuntos próprios, mas através de mensagens mágicas, diz que quando estiverem prontos para ir aos Pântanos, o drow irá recebê-los.

Ashtar não voltou mais à erel desde o dia em que More e Finn se estranharam. O marujo mal tem saído do Apanhador, envolto com seus mapas. Exceto em algumas ocasiões onde tem se encontrado com uma elfa das terras de Alastor, a quem muito se afeiçoou.

Heize está envolto com seus próprios assuntos. Nestes dias, recebeu vários mercadores do Plano Astral através do Lago.


Pede auxílio a Uriath sobre o que ele acha sobre a história das Brumas e esse encontro.

Uriath tem sido muito pouco visto pelas imediações, cada vez mais misterioso. Tem sido visto à noite perambulando por aquelas terras com sua aparência de drow. Uma vez envolveu-se com uma luta contra 3 caçadores, a quem deu uma surra, pois pensaram que era "apenas mais um drow de Jhael que se perdeu de casa".
Outra vez, foram os dragões púrpura à sua procura, com ordens de levá-lo ao seu comandante para ser interrogado. Sem se preocupar em ser sorrateiro, ele os enfeitiçou e fez acreditar que não o haviam encontrado, vendo-o partir para os Vales.
O Comandante ficou furioso.


Se tudo correr bem, parte para o encontro.

Aguarde um novo tópico de Ação.

--------

Deixa sob guarda de Michael e Zack os artefatos encontrados na torre.

Ambos concordam que devem ser destruídos. mas só barduk, templário local, terá meios de destruir uma pedra-fundamental para a construção de um templo. O enorme bloco de granito escuro era sinistro, e parecia assombrar quem o observasse.

-------

Durante TODOS as noites, o druida ao final da noite irá dançar para Elistraee, os passos de sua visão, todas as noites focalizará o pensamento em Arduliel, e todas as noites cantará para Annariel, esperando que não seja ela a Olori que estava tentando macular Selu´Taar, ou se era, o pq daquilo ?! O que havia acontecido a sua irmã....

Noites de pesadelos com a aparição do ser visto pelo contato com Dédalus. More sente como se a presença de sua irmã estivesse "escapando" do anel, desde que Dédalus revelou a fratura... ou teria sido ele o responsável?

Morë, estará preparando-se para sair em peregrinação, em busca de Arduliel. O episódio da Dança Negra o marcou e ele sentia que Elistraëe o chamava para encontrá-lo, só não sabia se encontraria as duas no mesmo local... esperava que sim. Fosse no plano físico ou no astral, ele preparava sua alma para o encontro.

Sua intuição revelava que o lugar ficava do outro lado do mundo. Só sabia que era distante, mas não tinha idéia de quanto.
avatar
Morë Olori

Mensagens : 1154
Data de inscrição : 13/10/2015

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 1 mês de tranquilidade - 11 a 20 de Mirtul!!

Mensagem por Felipe em Sab Jan 06, 2018 2:49 pm

http://ospilaresdodestino.forumeiros.com/t363-patrulha-akhvelahr-uma-ajuda-improvavel

Na mesma casa ficarão alguns velhos amigos de Barduk, enviados especiais de Storm.
Depois de seu desaparecimento, seus contatos têm buscado os últimos locais visitados por sua líder, numa tentativa de rastrear os passos de Storm.

====================================================

http://ospilaresdodestino.forumeiros.com/t366-entre-aventuras-negocios#3604

Atualizando as fontes de renda do grupo.
Usem o link acima para discutir e atualizar seus negócios.

====================================================

Lembrando que Henri perderá um dia de sua dezena por ter sido preso no meio da confusão de Giusepe, ainda foragido.
avatar
Felipe
Admin

Mensagens : 4249
Data de inscrição : 12/10/2015
Idade : 40
Localização : São José dos Campos - SP

http://ospilaresdodestino.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 1 mês de tranquilidade - 11 a 20 de Mirtul!!

Mensagem por rodamorim em Dom Jan 07, 2018 11:43 am

1° Dia preso

Para não ter problemas no quartel Dragão Púrpura, procuro um animal e conjuro Mensageiro Animal, descrevo o Sargento Urdas.
- Senhor, desculpe o não comparecimento, estou batendo a região das montanhas e florestas, amanhã logo cedo chegarei e passarei novas informações a você! Nyx Ulrich.

No mesmo dia sabendo que Barduk, More e Michael iriam viajar para Gauntlin, peço que aguardem por informações, principalmente Michael Blets.

Caso eu consiga conversar com eles, será na madrugada da minha soltura.
Junto os 3 e passo as informações e principalmente a Michael.
Aviso que 2 Magos de Guerra aprendizes são informantes do Comandante Dragão, e o comandante o chama de "Renegado".

Ele já desconfiava, e agradece o aviso. Diz que "já sabe o que vai fazer com os dois."

E para os demais, o Comandante Dragão está programando uma incursão pelas Montanhas, está juntando Cavaleiros e Magos de Guerra, para isso!

Vou esperar os outros interagirem no tópico que você abriu.

-----------------------------------------------------------
2° Dia

Antes de qualquer coisa, me apresento bem cedo no quartel Dragão Púrpura e para o Sargento Urdas, um pouco sujo e com expressões que não havia dormido.
Passo algumas informações sobre as montanhas (que eu já conhecia), para mostrar que não estava brincando sobre a mensagem enviada a ele.
Sendo assim, permaneço dentro do Quartel Pelo dia todo.

Urdas não era tolo, sabia que Henri não era o que parecia.
O experiente sargento intima o "novato" a se revelar, ou o trancaria até que confessasse.


Busco um oportunidade procuro um animal pequeno e conjuro sobre ele mensageiro animal, descrevo um dos Buscadores falando bem baixinho e sozinho, sempre observando se não havia ninguém.
"- Se estiverem vivos, se juntem e me esperem na taberna de Boven, Comandante Henri Stormwolf."

O que pretende com os buscadores?? Vou deixar que faça um tópico próprio se preferir, ou apenas resuma suas ordens.

------------------------------------------------------------

Nos Próximos dias, busco uma oportunidade para me encontrar com os Buscadores.
Dando a eles uma nova missão, acompanhar Melmund e Themis nas fronteiras, para ajuda-los e conseguir novas informações para mim.

Missão aceita, Melmund diz que a viagem demorará pelo menos 1 mês pra ser concluída em todas as suas etapas.

Aviso a eles que havia ficado preocupado com o sumiço deles, e que também está em um missão além da região e precisava viajar sozinho, voltando algumas vezes durante as dezenas para informar ao Comandante e que logo precisaria deles para ir até Arabel novamente.

Com isso, volto a ser Nyx, e acompanhar com frequência com Urdas, ajudando ele no que fosse necessário e tentando provar minhas capacidades para entrar na expedição nas montanhas.

Aguardando a resposta a Urdas, na situação acima.
avatar
rodamorim

Mensagens : 362
Data de inscrição : 16/06/2016

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 1 mês de tranquilidade - 11 a 20 de Mirtul!!

Mensagem por Finn em Seg Jan 08, 2018 1:24 am

1º Dia

Após os eventos que ocorreram em Lakeheaven e com a cerimônia de sepultamento de vários irmãos, Finn em respeito aos mortos dedicará aquele dia ao voto de silêncio. Irá se conectar com sua pedra de conhecimento Tel'Kiira. Continuará a forjar sua espada e iniciará um novo projeto (criará um amuleto mágico Guardião do Escudo).

Em construção:

2º Dia

Irei dedicar este dia para chamar Jizza, Katrinna e Heise para conversar. Pede informações sobre tudo o que ocorreu e também aproveita a oportunidade para contar sobre o que estava ocorrendo e o que até o momento havia descoberto. Pede informações detalhadas sobre Waterdeep, a torre e sobre seus amigos.
Para a população, nada mudou. Os cavaleiros-negros têm agido pela cidade como uma força policial, secretamente à sua procura.
No mais, poucas informações sobre os outros.


A Katrinna pergunta sobre o o que ocorreu quando foram enviados ao plano Astral.
Ela não tem certeza, pois o tempo no plano astral é diferente.
Foi como acordar de um longo sono.


A Jizza pedirá para continuar comandando, treinando o exercito e pedirá para ela separar patrulhas para áreas determinada nas montanhas (Essas áreas serão as dos portais, Finn quer um relatório sobre a movimentação inimiga), mas que evitem qualquer embate e que voltem para informar. Pede para Heise ajudar a mostrar a região.
Ao todo, 5 grupos serão montados.
O inesperado é que Finn descobre que Barduk foi manipulado, pois conhece 2 dos 5 lugares, tendo-os visitado com a companhia dos Magos de Guerra, mas foi enfeitiçado para ver apenas o que queriam que visse.


Aproveita a oportunidade e apresenta Jynx para Jizza e diz que ele tem grande potencial para se tornar um exímio arqueiro como a mesma e um impressionante dom com grifos. Obs: Irá respeitar se estiverem de luto.

Caso não consiga conversar, Finn chamará Asthar, Jizza e Heise para lhe acompanhar até o círculo Netherese e lá usará todo seu conhecimento mágico e recursos para estudá-lo e entender para onde aquele círculo levará. Já suspeitando das palavras de Nym.
Vocês descobrem que a purificação do Mythal acabou com a interferência dos Chamas-rubras no círculo, desvendando seu destino final... algumas milhas para CIMA.

Dedicará o final do dia e inicio da noite para continuar o trabalho com sua espada e pedirá a ajuda de Heise.
Só postar as características da espada.

Conversa com Katrinna sobre a arca mágica de Nystul que criou para guardar dois itens de extremo perigo, mas que não tinha ideia de onde poderia esconder a replica para evitar carregar.
Ela sugere duas possibilidades:
1) Guardá-la no templo, sob outras proteções, onde seria mais facilmente vigiada.
2) Escondê-la numa área de magia morta, onde não poderia ser encontrada, mas poderia ser rastreada.


3º e 4º Dia

Dedicará em conhecer melhor o exercito e depois ficará forjando sua espada e construindo seu amuleto com a ajuda de Heise, se o mesmo puder.
Haise passará algum tempo com More, por insistência do drow, para treiná-lo. Têm feito algumas viagens pelo plano astral, a última durou mais de 5 dias.

5º Dia

Aguardará notícias dos sentinelas e pedirá a ajuda de Heise, Jizza e Nigel para lhe acompanhar e por um fim nos portais nas montanhas.
Uma campanha terá início, e grupos de ação serão montados.

6º a 10º Dia

Criação dos Atalhos em Taruë Ehtelë, a Floresta Renascida.
avatar
Finn

Mensagens : 568
Data de inscrição : 12/10/2015
Idade : 36

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 1 mês de tranquilidade - 11 a 20 de Mirtul!!

Mensagem por Barduk Amarkill em Seg Jan 08, 2018 3:22 am

Barduk convida seu pai para seguir viagem, lembrando-o que ao fim do destino encontraria Óin em Arabel.

11º dia: O anão viaja de madrugada para chegar a Gauntlgrim ao raiar do dia, não queria perder tempo, tinha audiência marcada com Alastor cedo e seus assuntos eram de extrema importância.

Audiências feitas, seu pai se encantava com cada paisagem, cada passo da jornada. Era um anão de maneiras simples, extremamente brincalhão (ao contrário do que contavam).
Nas horas vagas, gostava de praticar com o arco. Dizia que "acalmava os nervos".
Ele tem uma longa trança loira ataca ao próprio cabelo ruivo claro, uma marca dos "amigos dos elfos".


Consegue imaginar onde aprendeu a pregar peças


12º ao 15º dia: Se manterá no templo colocando seus afazeres em dia, acompanhando seus acólitos e clérigos, contas, despesas, ganhos...

Uma nova celebração (aguarde tópico completo): Barduk é eleito Décano de Moradim, recebendo a incumbência de supervisionar outros templos além de Gauntlgryn.
Além disso, recebe uma visita incomum, um grupo de aventureiros consagrados a Moradin, depois dos ritos conduzidos por Barduk quando era Capelão.

Humanos de Moradin:

Além de Gauntlgryn, Barduk receberá as chaves de outros temploes, entre eles:
1) Olho-da-Montanha: Uma cidade nas montanhas onde Torin tem se estabelecido.
2) Gauntlgryn: Dispensa explicações.
3) Arabel: Um pequeno santuário dedicado ao Forjador.
4) Outros a serem revelados.


Sentindo-se lisonjeado, vou aguardar conclusão


Parte do 15º dia: Se reunirá com Dáin afim de entender o papel dele frente as investidas Zentharins na região, Barduk sabe o seu lugar e não julgará qualquer que seja a resposta do rei sob a montanha. Não será um inquisidor, mas precisa entender o que acontecia na região.

Barduk mal reconhece o velho patrono. Estava velho, além da recordação, mai deixando as câmaras mais profundas da cidadela.
Dáin estava doente, algo relacionado aos fortes e pesados vapores das minas. E agora, outorgava tarefas mais do que as cumpria.
O "Anão Gigante" (que parecia ainda não gostar de Barduk, apesar de tudo), e Kábrik estavam sempre por perto, além de Asphas, seu cuidador.
O segundo diz ter expulsado Sibyl depois dela tentar abrir uma rota de comércio com Underdark bem no meio de Gauntlgryn, e não permitiria que voltasse para lá.
Dáin estava cansado demais para se opor.

Barduk confiava em Dain e faria com que suas leis continuassem a valer

Numa conversa reservada, o velho patriarca diz que Sibyl é uma velha amiga, encontrada quando se estabeleceram na região. No começo, foi uma diplomata entre os anões e os gnomos das profundezas (que acusam os anões de ter roubado suas minas).
Ali, Barduk conheceu o "Pai" de Gutz, um velho anão das profundezas, de olhar nada amigável, mas que Dáin respeitava muito.


Manterá a paz com o pai de Gutz e procurará meios de se aproximar. Ainda não abrirá as portas para a volta de Sibyl....ainda...


Após a reunião com Dáin irá procurar a tenente Zenthil para conversar, recebendo-a em seu gabinete pessoal para jantar, manterá guardas de sua confiança próximos para evitar uma fuga.
Erin era prisioneira em Gauntlgryn, e já houveram 2 tentativas de libertá-la. Por causa disso, apenas sua influência foi capaz de convencer os carcereirois da cidadela a deixá-la "dar uma volta" fora de sua cela.
Ela agradece a Barduk por receber e cuidar de seus soldados, mas deixa claro que não tem a intenção de passar o resto da vida atrás das grades. E tem planos de caçar o velho Comandante Arkos, onde quer que esteja.
Ela é de maneiras muito diplomáticas, e embora não pareça dissimulada, revela uma inteligência fora do normal ao lidar com planos a longo prazo. Por vezes, Barduk tinha sérias dúvidas de quem estava conduzindo a conversa.
Por vezes, até mesmo se esquecia de que ela era uma prisioneira.


-preciso saber mais sobre Arkos. Senti que Argos era diferente de seu pai, por isso o curei, infelizmente não puder salvá-lo depois. Arkos merece ser preso por seus crimes, a morte é pouco pra ele *o anão se mostrava favorável a captura de Arkos* -Tudo a seu tempo Erin. Partilhamos pensamentos parecidos. Foi uma boa conversa, espero que tenha apreciado a comida. Quanto a sua prisão, não seja precipitada.

16º ao 17º dia. Se trancará na forja do templo para criar suas armas, o novo símbolo de sua casa, o ressurgimento dos Amarkill (ainda pensando em qual)

Seu Azer está à sua espera, juntamente daquele criado por Moradin. Você nunca lhe deu um nome. Pensando em um

18º e 19º dias Irá se inteirar dos afazeres de Gauntlgrym enquanto Thurmazz, assim como fez em sua primeira estadia enquanto capelão interino do templo.

Barduk estava ficando doido de tantos conselhos, compromissos e obrigações. Descobre que Dáin tinha tantos ajudantes que mal participava das rotinas da cidadela, tendo sempre um feitor ou magistrado á sua frente. Isto o deixava livre para cuidar do que realmente importava.
Barduk só precisava encontrar seus próprios emissários, ou conseguir juntar-se aos de Dáin.
. Manterá os feitores e magistrados e incumbirá um dos seus para supervisionar e aos poucos inserir mais dos seus

20º dia: Acompanhará os treinamentos de sua tropa pela manhã, corrigindo posicionamentos e táticas. Sentará com seu mestre armeiro e seu escriba afim de alinhar algumas ideias: A companhia ganhou corpo e criou forma. Precisava melhorar e se preparar. Conforme o dinheiro com a venda de bebidas e outros contratos como os de guarda costas for entrando, deverá ser investido inicialmente no soldo dos soldados e posteriormente em armamento e equipamentos de defesa padrão.

Era hora de viajar a Arabel, visitar seu irmão em seu novo negócio. Seria uma boa oportunidade de levar sua cerveja (vou levar também o vinho drow) à capital e enfrentar o que quer que a cidade lhe reservasse.
Havia a clériga de Lathander, com notícias sobre os cultos, Gimli, recuperado da loucura após a destruição do vampiro, e tantos outros afazeres e compromissos.
Seu pai estava animado. Seria a primeira viajem juntos em MUITO tempo. Mais do que Barduk era capaz de se lembrar. Mas barduk se perguntava como Óin reagiria à presença de Heror.
Barduk estava animado e esperançoso em sua ida a Cidade. Precisava reunir informações e correr os riscos certos. Óin era uma preocupação, muitas das histórias que ele contou ao anão se mostraram contrárias e isso o entristecia, pois confiava em seu irmão.


*mantém parte de suas tropas colhendo informações e patrulhando estradas e caminhos, mas deixa a decisão a cargo de seus comandados. Gork, Damora e Thorgal sabiam bem o seu papel então esperaria pelos resultados que cada um poderia trazer.

Gork: Ocupado com os afazeres das tropas nas patrulhas e policiamento da nova estrada.
Damora: Seriamente ferida na luta contra os Reis Zhentarins, estava afastada das tropas para se recuperar. As profundezas de Gauntlgryn eram famosas pelas águas thermais, com raras propriedades curativas.
Thorgal: Segue como patrulheiro das estradas e trilhas ao redor da cidadela e do forte. Crescentes assaltos por goblins estavam voltando a ser um problema, o que revelava que a presença dos opressores chamas-rubras era cada vez menor naquelas terras.


Torin seguirá as ordens de Damora sendo seu Sargento e buscará informações sobre o assentamento goblinoide nas montanhas, levará consigo um regimento além de Irwin e Jace.


A terceira dezena será: ARABEL!!


Última edição por Barduk Amarkill em Ter Jan 09, 2018 10:14 am, editado 2 vez(es)
avatar
Barduk Amarkill

Mensagens : 588
Data de inscrição : 12/10/2015

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 1 mês de tranquilidade - 11 a 20 de Mirtul!!

Mensagem por Felipe em Seg Jan 08, 2018 7:00 pm

Pendências:

* Ral e Dorkk têm feito longos reconhecimentos pelas montanhas á procura de fey´ri, até o momento, com pouco sucesso.

* Dago desaparecerá por alguns dias em sua caçada ao paradeiro de Shedan e Yantraz.

* Breve: A viagem a Evereska!! Será que o drow volta vivo?

================================

* Nyx e Urdas terão uma longa conversa, dela dependerá a liberdade do "Mestiço", ou seu ingresso na misteriosa campanha de Istvan pelas montanhas.

================================

* O "passeio" dos Atalhos: Aguarde!!

================================

* Barduk a caminho de tornar-se Arqui-clérigo.

* A sombra Zhentarin. Conversar com Erin er apior do que conversar com Sibyl. Se a meio-drow era sorrateira, Erin parecia ser TREINADA para a dissimulação. O que mais esperar de um conclave tão patriarcal quanto uma cidade banita?
avatar
Felipe
Admin

Mensagens : 4249
Data de inscrição : 12/10/2015
Idade : 40
Localização : São José dos Campos - SP

http://ospilaresdodestino.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 1 mês de tranquilidade - 11 a 20 de Mirtul!!

Mensagem por Finn em Seg Jan 08, 2018 9:35 pm

Aproveita a oportunidade e apresenta Jynx para Jizza e diz que ele tem grande potencial para se tornar um exímio arqueiro como a mesma e um impressionante dom com grifos. Obs: Irá respeitar se estiverem de luto.
Nada ocorreu? Reações?

Dedicará o final do dia e inicio da noite para continuar o trabalho com sua espada e pedirá a ajuda de Heise.
Só postar as características da espada.
Nova Adamantril - Será uma arma mágica +3, sendo +2 para ataque e dano e +1 será imbuida um espaço de magia, onde será fixada na espada uma gema para armazenar a magia Contigência. Magias utlizadas Arma Mágica (elevando ao 6º) e Contigência (6º). Irei buscar nova imagem para a espada, pois será reforjada no estilo élfico.

Conversa com Katrinna sobre a arca mágica de Nystul que criou para guardar dois itens de extremo perigo, mas que não tinha ideia de onde poderia esconder a replica para evitar carregar.
Ela sugere duas possibilidades:
1) Guardá-la no templo, sob outras proteções, onde seria mais facilmente vigiada.
Finn escolhe a 1ª opção.

3º e 4º Dia

Dedicará em conhecer melhor o exercito e depois ficará forjando sua espada e construindo seu amuleto com a ajuda de Heise, se o mesmo puder.
Heise passará algum tempo com More, por insistência do drow, para treiná-lo. Têm feito algumas viagens pelo plano astral, a última durou mais de 5 dias. Finn indaga sobre as tais viagens e pergunta sobre o interesse em buscar comércio pelos planos, pois estava pensando sobre o assunto.

5º Dia

Aguardará notícias dos sentinelas e pedirá a ajuda de Heise, Jizza e Nigel para lhe acompanhar e por um fim nos portais nas montanhas.
Uma campanha terá início, e grupos de ação serão montados. Como será feito?
avatar
Finn

Mensagens : 568
Data de inscrição : 12/10/2015
Idade : 36

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 1 mês de tranquilidade - 11 a 20 de Mirtul!!

Mensagem por Felipe em Ter Jan 09, 2018 2:56 pm

Para Barduk:

* Em sua conversa, Erin faz uma proposta que deixa Barduk com a pulga atrás da orelha. Ao mesmo tempo que resolveria um problema enorme que tinha nas mãos, não sabia até onde confiar na comandante, por mais que seu predecessor tivesse demonstrado honra:
Ela partiria daquelas terra levando seus homens consigo, com a garantia de que não causariam qualquer aborrecimento. Em troca, ela se encarregará de procurar por Arkos e seu feiticeiro, e caso ponha as mãos nele, entregá-lo a Barduk.

* Sobre o seu próprio feitor, fique à vontade para criá-lo.

* Em parte, Óin sempre tentou proteger Barduk de partes da história. Depois de conhecer um pouco de seu pai, começava a entender por que. Talvez nem mesmo o velho Amarkill entendesse as motivações do velho Heror. Talvez nem soubesse que estava vivo.
avatar
Felipe
Admin

Mensagens : 4249
Data de inscrição : 12/10/2015
Idade : 40
Localização : São José dos Campos - SP

http://ospilaresdodestino.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 1 mês de tranquilidade - 11 a 20 de Mirtul!!

Mensagem por Felipe em Ter Jan 09, 2018 3:20 pm

Para Finn:

* Jynx parece se dar bem logo de cara com Jizza e seus homens. Era sempre brincalhão, um pouco tímido até.
Mas ultimamente, passava muito tempo sobre as costas de seu grifo, voando ao redor do lago.

* Heize diz que More tinha talentos mágicos naturais, e não sabia a quem recorrer para ensiná-lo a lidar com eles. Uma vez que não confiava em Finn ou nos magos de guerra, sobrava arriscar contato com Heize, com quem teve algum contato na fatídica operação nas montanhas.

* Sobre comércio nos Planos, Heize acha arriscado, mas "afina, VOCÊ é o Herú".

* Sobre as campanhas pelas montanhas, monte seus grupos de ação.
Quem vai pra onde, fazer o que, com que propósito, quantas pessoas em cada grupo, quais as ordens... estas coisas.
avatar
Felipe
Admin

Mensagens : 4249
Data de inscrição : 12/10/2015
Idade : 40
Localização : São José dos Campos - SP

http://ospilaresdodestino.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 1 mês de tranquilidade - 11 a 20 de Mirtul!!

Mensagem por Felipe em Ter Jan 09, 2018 3:41 pm

Para More:

Tendo obtido permissão de ir a Evereska, o drow foi acompanhar o elfo prateado através de um poderoso e raro portal da lua, um enorme espiral de luz que se manifestou às margens do lago.
O transporte deu-se à meia-noite, e do outro lado, um imenso salão servia de biblioteca, e apesar de saber que era noite, era tão iluminado que parecia dia.



Ali, outros tantos portais abriam e fechavam a todo instante, vindo elfos de toda parte. E More, num destes portais, quase sofre um ataque violento de um grupo de perseguidores, que certamente não esperavam encontrar um drow no santuário.
2 sentinelas se "juntaram" a você no intuito de mantê-lo em segurança. Na verdade, escoltá-lo pelos corredores do enorme santuário élfico.

Na verdade, para evitar novos "incidentes".
More não era bem-vindo lá, e absolutamente ninguém se esforçará para mudar esta visão.
Apnas Heize lhe dará algum auxílio. Para todo o resto, estava por sua conta.

O elfo prateado o deixa numa sessão da biblioteca mais reservada... que se esvazia na mesma hora de qualquer outro ocupante, ficando os dois sentinelas de prontidão para evitar que você "se perdesse".

More sente a perda de qualquer contato com a natureza. Mal sabia onde estava no globo, senão por mapas indicados por Heize. Não sentia sequer a trama presente, senão para auxílio dos elfos.

Foram dias duros e árduos, em que sua única experiência fora do santuário é através de um largo corredor repleto de dormitórios.
Por razões que imaginava, ficou com um só pra você. 8 beliches desocupados.

Heize passará todo o tempo na biblioteca, o único local onde More consegue algum contato (ao menos visual) com outros elfos.
E Heize parecia ser o único a aceitar sua presença, prestando atenção e ajudando com as pesquisas.

De tempos em tempos, um templário virá ver o que anda pesquisando, "apenas para se certificar de que está tudo em ordem."

Off: Vamos simplificar: Liste o que pretende pesquisar, e direi o que descobriu.
avatar
Felipe
Admin

Mensagens : 4249
Data de inscrição : 12/10/2015
Idade : 40
Localização : São José dos Campos - SP

http://ospilaresdodestino.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 1 mês de tranquilidade - 11 a 20 de Mirtul!!

Mensagem por Finn em Ter Jan 09, 2018 10:45 pm

Finn chama Jyxn para uma conversa e tenta saber do jovem elfo porque vive sobrevoando o lago, se precisava de algo e no que Finn poderia lhe ajudar.

Campanha na Montanha!

Serão 4 grupos!
G1 - Jizza comandará sendo acompanhada por Jynx (se quiser) e mais 12 soldados.
G2 - Heise (Antes de viajar para Evereska) e outros 12 soldados.
Outros 2 grupos serão enviados por soldados, onde Jizza que acompanhou o treinamento deles irá indicar 2 deles para liderar cada 1 um grupo, sendo divididos igualmente.
Objetivo: Vasculhar as montanhas nos pontos onde não foram encontrados os portais. Buscar indícios do Chama-Rubras e mapear. Evitar o confronto para evitar baixas desnecessárias. Finn explica sobre como os portais se parecem e como eles se organizam nas patrulhas.

Finn convidará Nigel para acompanha-lo até os pontos onde ainda há portais para lhe auxiliar no fechamento deles.
avatar
Finn

Mensagens : 568
Data de inscrição : 12/10/2015
Idade : 36

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 1 mês de tranquilidade - 11 a 20 de Mirtul!!

Mensagem por Morë Olori em Ter Jan 09, 2018 11:21 pm

Informações e pesquisas sobre:

- Trilha das Brumas, o que guardam, onde levam e como se proteger de suas armadilhas, sua capacidade de drenar a vitalidade.

A Trilha das brumas foi criada acidentalmente quando altos magos de Atorrnash estavam experimentando a criação de portais através do mundo recém-descoberto.
Um destes portais passou a se ligar aos demais, por vezes mudando seus destinos, ou matando seus passageiros, ou desaparecendo com eles pra nunca mais ser encontrados.
O fato é que alguns portais desta trilha, que cruza todo o continente conhecido,
possuem vida própria. E numa tentativa de entender o que havia dado errado,
foi consultado um poderoso oráculo para entender as mudanças e "personalidades"
dos portais.
Foi quando descobriram que o próprio Jergal interferiu, tornando o seu portal, o "último" da sombria trilha. Cada passageiro que cruzar o caminho, um portal depois do outro, ficará mais perto de Jergal, e assim da própria morte.
Acredita-se que algum dos portais, sendo "saltos" entre os Planos, cruzou com o reino de Jergal, no Além, atraindo sua atenção e manifestando seu aspecto final na forma do "Final do Caminho".
A Trilha não pode ser fechada. E portais erráticos podem ser percorridos. Mas qualquer um deles que seja percorrido deixará em seu usuário a sensação de "tarefa incompleta", podendo se tornar uma obsessão por percorrer toda a trilha.
Há ainda aqueles, considerados loucos, que o fazem por "esporte mágico", desafiando o Deus da Morte, o Fim, propriamente.


- Elassaran e Siluvanére, e a relação com o Ilithytiri que provavelmente está no pântano.

Elassaran e Siluvanére, reinos élficos perdidos. Foram os primeiros a surgir quando o Povo chegou em Faerûn, vindo dos poderosos portais de Faeren,
seu Mundo-natural.
Aqui, foram escravizados por Aerens e dragões, que disputavam o controle do mundo.
De natureza pacifista, os elfos destes dois reinos buscaram uma convivência pacífica com seus conquistadores, até que a convivência se tornasse insustentável, e a guerra acontecesse, resultando na extinção dos Aerens e na rendição dos dragões, que foram exilados de seus reinos, vivendo em ostracismo.
Os Illitthiiri, por outro lado, sempre foram superiores e egemônicos, e assim que foram atacados, não apenas revidaram como tomaram para si uma cidade Aeren,
aprendendo seus segredos e tomando seus tesouros para si.
Esta cidade se tornaria Atorrnash, o primeiro reino dos elfos negros de Abeir´Toril.
Não há referências confiáveis sobre sua localização exata, mas sabe-se que o único portal conhecido para todos eles fica em algum lugar da Floresta Alta, hoje conquistada e totalmente controlada por drows e fey´ri, e forças extra-planares malignas.


- Sobre os Fey´ri, seus arsenais e suas prováveis alianças com casas drows. Informações sobre Dédalus e Nym.

A história conhecida sobre Fey´ri já foi revelada por Finn, em jogo. Nada confiável sobre alianças duradouras. São uma força caótica e em constante transformação.
Dédalus, considerado um dos maiores altos-magos da história, capais de feitos enormes sem o menor esforço. Capaz de usar magias de maneira destrutiva, sem qualquer indicação de remorso ou apreensão.
Nym, nenhuma referência encontrada.


- Filho das Estrelas e se há alguma referência à Uriath.

Uriath é um nome élfico comum, sobretudo entre drows.
Filho das Estrelas, há diversas referências e correlações:
* Elfos das Estrelas, um tipo desconhecido em Faerûn, considerados "Pais dos Eladrins", presentes apenas em algumas lendas do Povo;
* Vários cultos extra-planares referem suas forças motrizes como "Filhos das Estrelas";
* Os magos são considerados "Filhos das Estrelas", por sua compreensão sobre a Arte e capacidae de dobrar a Trama pela força de vontade;


- Sethyel Doriath

Uma casa drow dominante. Tendo sido banida de Mensoberranzan nas Guerras da Rainha Aranha, voltaram com força plena quando a própria deusa profetizou seu retorno.
Inimigos de tantas outras casas que somente a própria força e seus segredos os mantém vivos.
Selthyel, um feiticeiro de enorme poder, dizem as lendas, era um favorito na escolha para tornar-se um avatar de alguma força drow divina, mas não se sabe qual.
Enganado pela irmã Sybil, ela o fez ressuscitá-la depois que elfos da superfície aprisionados lideraram um levante entre os prisioneiros da casa, causando sua morte.
Selthyel foi dado como morto, mas foi visto tempos depois vagando pelos túneis drows de Underdark. Possui tantos seguidores que é considerado um semi-deus, adorado dentro e fora da Casa.


- Elistraee( e Quilué),  Lolth e drows que a enfrentaram.

Divirta-se lendo os livros, não vou ficar resumindo material oficial.

Olori e Olianri.

Não há registros (afinal, suas teias foram erradicadas).

- Cyric, Zentharins, alianças e ações em Cormyr e no panteão.

você e meio mundo de Harpistas tenta encontrar informações do gênero.

Tentará buscar alguma evidência que comprove seu pensamento que Cyric, Lolth e os Fey´ri, ou seus súditos, estão aliados num plano que ataque e destrua Cormyr.

Interpretações de informações e descobertas por sua conta.

avatar
Morë Olori

Mensagens : 1154
Data de inscrição : 13/10/2015

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 1 mês de tranquilidade - 11 a 20 de Mirtul!!

Mensagem por Felipe em Qui Jan 11, 2018 2:24 pm

Ainda falta algo??
avatar
Felipe
Admin

Mensagens : 4249
Data de inscrição : 12/10/2015
Idade : 40
Localização : São José dos Campos - SP

http://ospilaresdodestino.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 1 mês de tranquilidade - 11 a 20 de Mirtul!!

Mensagem por Barduk Amarkill em Qui Jan 11, 2018 11:02 pm

*Para Erin*
-sua proposta é tentadora. Gosto do seu jeito, você é direta, pensa rápido, isso mostra o como você é astuta. Isso diz muito sobre você, mas por mais tentadora que seja a sua proposta capitã, você ainda é uma prisioneira. Foi uma ótima conversa. Guardas, levem-na de volta a sua sela.

*o anão da uma leve piscada para a capitã pois sabia que não demoraria para que de fato ela fugisse de Gauntl*
-e reforcem a segurança.
avatar
Barduk Amarkill

Mensagens : 588
Data de inscrição : 12/10/2015

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 1 mês de tranquilidade - 11 a 20 de Mirtul!!

Mensagem por Felipe em Sex Jan 12, 2018 11:07 am

Uma visita inesperada:

Quando deixava seu gabinete, logo depois de seu encontro com erin, quem aparece escoltado pelos corredores de Gauntlgryn é ninguém menos que Finn, que segundo os guardas, "apareceu do meio do nada".

Off: Aqui se segue a conversa entre os dois (continuem por lá), antes de Finn tornar a desaparecer, fechando os ciclos da Alta magia em seus espelhos.
avatar
Felipe
Admin

Mensagens : 4249
Data de inscrição : 12/10/2015
Idade : 40
Localização : São José dos Campos - SP

http://ospilaresdodestino.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 1 mês de tranquilidade - 11 a 20 de Mirtul!!

Mensagem por Felipe em Dom Out 14, 2018 9:32 pm

.
avatar
Felipe
Admin

Mensagens : 4249
Data de inscrição : 12/10/2015
Idade : 40
Localização : São José dos Campos - SP

http://ospilaresdodestino.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 1 mês de tranquilidade - 11 a 20 de Mirtul!!

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum